Agentes da PRF são mortos por homem em situação de rua que tentavam ajudar - PORTAL TOP MÍDIA

Notícias

Agentes da PRF são mortos por homem em situação de rua que tentavam ajudar



Dois policiais rodoviários federais morreram após serem baleados por um homem em situação de rua, nesta quarta-feira (18), em Fortaleza. O caso foi registrado na BR-166, no bairro Cidade dos Funcionários, próximo a um viaduto da cidade.


As vítimas foram identificadas como Marcio Helio Almeida de Souza, 53, e Raimundo Bonifacio do Nascimento Filho, 43, segundo informações da Secretaria de Administração Pública do Ceará. Eles trabalhavam na corporação há 15 e 17 anos, respectivamente.

De acordo com a SSPDS (Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social), os policiais faziam patrulha na região quando foram tentar tirar um homem em situação de rua que caminhava entre os carros, no meio da pista.

"Após ser abordado, o suspeito teria tirado a arma de um dos policiais e efetuado disparos de arma de fogo contra os agentes", afirma nota do órgão. Os dois morreram na hora.

Segundo a Polícia Civil, um PM que estava de folga e passava pelo local no momento dos tiros disparou contra o homem em situação de rua, que também morreu na hora. A identidade do suspeito não foi revelada.

No meio da confusão, as armas dos dois agentes rodoviários foram roubadas, mas recuperadas por equipes da PM ainda pela manhã.

"Que a sociedade saiba que a polícia precisa ser valorizada, principalmente pela sociedade. Estamos aqui para entregar as nossas vidas em prol de vidas inocentes", afirmou o agente Marcio Moura, da PRF, em conversa com jornalistas no local do crime. Ele se emocionou ao falar do sentimento de luto na corporação.




Marcio Helio deixa esposa e um filho e Raimundo Filho, além da mulher, deixa duas filhas.

Até o momento, não há informações sobre quantas pessoas além do homem em situação de rua morto estão envolvidas com o crime. O caso será investigado pela Polícia Federal.